Creme de ervilhas com bacon. A sopa “Amor Brujo”

Se você acha que sopa é “comida de hospital”, refeição “levinha”, ou “comida sem substância”, certamente não conhece o creme de ervilhas com bacon. Sabor pungente e nutritivamente forte, ela é uma opção de inverno imbatível, combate o frio aquecendo até os ossos. É daquelas que a gente termina de comer com as bochechas mais rosadas.

O nome Amor Brujo é inspirado no filme do espanhol Carlos Saura, mas não sei quem batizou a sopa assim, certamente por basear-se numa mistura de ingredietes tradicional na Espanha.

A ervilha que se usa é a ervilha seca partida, que se compra em qualquer mercadinho por preço bem acessível. Para duas pessoas usamos cerca de 300g. Antes de tudo lava-se a ervilha e escorre-se. Depois vai para uma penela ampla apenas com água e duas folhas de louro. Em panela convencional vai quase uma hora até que fique bem macia, mas na panela de pressão 20 minutos dão conta de levá-la ao ponto.

O chato é que a ervilha levanta espuma quando a água ferve, o que faz com que o cozimento deva ser feito com a panela aberta, sob pena de um grande lambuso no fogão. Na panela de pressão às vezes a espuma sai pela válvula, também gerando alguma sujeira.

Tempero

O segundo ingrediente principal é o bacon. Cortamos ele em cubinhos de cerca de meio centímetro, coisa de 100g pelo menos. Na frigideira deixamos ele derreter até quase virar torresmo, tiramos o excesso de gordura e refogamos ali mesmo uma cebola bem picadinha e dois dentes de alho também picados.

Este refogado vai se juntar às ervilhas quando elas estiverem macias, mas antes triture as ervilha usando um mixer ou um liquidificador. Não precisa triturar muito, só o suficiente para ter a textura cremosa. Pimenta e ervas finas temperam a mistura (não use sal, por enquanto).

Para incrementar a sopa adicione costelinhas e cubos de lombo de porco defumados e deixe cozinhar até que as carnes fiquem quase desmanchando. O ideal é que se consiga comer as costelinhas, por exemplo, sem ajuda de faca, só com a colher mesmo.

Por fim verifique como ficou de sal e só adicione mais se o que estava nos defumados não foi suficiente. Gosto de colocar ervilhas (daquelas congeladas) no final para dar cor e um toque final. Sirva com torradinhas e delicie-se.

Esse post foi publicado em Comidinhas, Receitas e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s