Alfajores em homenagem ao Uruguai

Setembro chegou trazendo boas notícias além da primavera que se aproxima.

Na próxima segunda, dia 12, será aberta a exposição Mirando o Uruguai, com fotos minhas e do Renato Rizzaro. Uma exposição é sempre um momento de apreensão e emoção, afinal você abre seu trabalho ao olhar, interpretação e crítica do outro. Mas é também um momento de muita alegria por compartilhar o seu modo de ver o mundo, pequenos recortes.

Como eu adoro o Uruguai, não poderia deixar de registrar isso aqui  em palavras, imagens e sabores.

O Uruguai nos remete sempre à carne, ao seu Mercado del Puerto. Como postamos bastante receitas de carne, resolvi olhar para os doces, mais especificamente para o dulce de leche e os inigualáveis alfajores.

Mercado del puerto e suas parillas

Fazendo alfajores

A receita escolhida é uma mais simplificada, mas foi aprovada.

A receita original (eu fiz a metade e alterei alguns ingredientes) leva:

1 kg de farinha de trigo

250 g de amido de milho

20 g de sal

10 g de extrato de malte (não usei)

40 g de cacau em pó

20 g de bicarbonato de sódio

20 g de bicarbonato de amônia (não usei)

20 g de fermento em pó

550 g de margarina (usei um tablete de 200g de manteiga para a metade da receita)

550 g de açúcar refinado

300 g de ovos

100 g de mel (usei uma colher de sopa e o sabor ficou bem marcado)

0,05 g de essência de baunilha

0,05 g de essência de amêndoa (não usei)

A ideia é preparar uma massa como de biscoito. Numa tigela colocar a margarina e amassar com uma espátula até ficar cremosa. Neste ponto colocar o açúcar. Fazer um creme batendo rapidamente.

Juntar aos poucos os ovos batidos. Importante que seja aos poucos, caso contrário a massa ficará quebradiça. Mexa bem para que sejam bem incorporados.

Em seguida acrescente o mel e os demais ingredientes secos (mas coloque só a metade da farinha).

Coloque a massa numa superfície lisa e vá acrescentando farinha e sovando-a até unir todos os ingredientes.

Depois de obter uma massa uniforme e lisa que não gruda mais na mão, enfarinhe a superfície e a massa para o rolo não grudar.

Abra a massa, sempre polvilhando farinha, até obter uns 5 mm de espessura. Corte em pequenos discos e leve ao forno para assar a 200 graus C. por cerca de 10 min.

Quando os discos estiverem frios coloque o recheio de doce de leite (o tamanho da porção, vale pelo gosto de cada um). Feche com outro disco e forme a base para o alfajor.

Depois é só derreter chocolate (usei meio amargo) e banhar o alfajor.

Simples até que é… Mas confesso que é trabalhoso. Prefiro doces que não sejam tão doces… mas aqui em casa eles fizeram sucesso.

Aqui fica minha homenagem ao Uruguai.

Esse post foi publicado em Comidinhas, Receitas e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s